Com a chegada da estação mais fria do ano… Chega também uma fominha a mais, não é? Isso acontece, porque a temperatura do corpo também cai… E necessitamos de mais energia para estabilizar essa temperatura, consequente, de mais comida.

Aí está o X da questão… Qual comida?? Quais escolhas??

Pois, se não fizermos boas escolhas no inverno, teremos problemas nas outras estações do ano.

Neste período é normal optarmos por pratos mais quentes, bebidas mais encorpadas… Daí listamos algumas dicas, para sermos felizes, saudáveis e com o coração e corpo aquecidos.

As saladas saem de cena, e dão espaço para os legumes assados (com alecrim, fica uma delícia), suflês e recheio de tortas integrais.

As famosas sopas são muito bem vindas. Mas cuidado com as escolhas… Evite os embutidos, creme de leite, queijos amarelos… Prefira os legumes com carnes magras e grãos como, ervilha, lentilha, feijão branco.

Neste período, as escolhas por massas, também são mais frequentes. Devemos consumir as integrais com maior regularidade, e escolher um bom molho. Evite o branco por ser muito calórico e dê preferência para o de tomate simples, ou um à bolonhesa. O queijo também é indispensável como acompanhamento do prato. Neste caso, prefira um queijo padrão ou curado ralado. Mas sempre se policie com os excessos.

Comer nos intervalos das grandes refeições, também é uma boa pedida. Assim ficamos com menos fome para a próxima refeição. Incluir castanhas, nozes, amendoins crus, abacate, em pequenas porções, claro.

Para a vontade do doce, o chocolate 70% cacau é uma salvação… E seguimos controlando a quantidade de calorias.

Nos dias mais frios, é muito comum esquecermos de tomar água. “Essa é uma dica importantíssima para o inverno. O indicado é consumir de dois a três litros por dia. Não adianta nada você esquecer de se hidratar durante o dia inteiro e tomar dois litros de uma só vez quando chegar em casa após o trabalho, porque o seu corpo precisa de uma ingestão hídrica durante o dia inteiro e não conseguirá absorver tudo de uma só vez. E rapidamente irá eliminar através da urina”.

O consumo de vinho também aumenta na época em que as temperaturas estão mais baixas. Se você é fã da bebida, intercale as taças com um copo de água e tome cuidado com a frequência e a quantidade. Restrinja ao fim de semana.

Os chás serão sempre os queridinhos da estação… Sejam digestivos ou calmantes ou termogênicos… Os chás são excelentes bebidas capazes de aumentar a sensação de saciedade, principalmente quando ingeridos após as refeições. Consuma sempre bem quentinho para potencializar ainda mais a saciedade.

É neste período também que nossa imunidade cai. Ficamos mais vulneráveis a vírus e bactérias. Daí o consumo aumentado de alimentos fontes de vitamina C é importantíssimo, como as frutas: tangerina, acerola, abacaxi, laranja, kiwi, limão, goiaba, caju, maracujá, melão, morango… Os vegetais de cor verde escura também são riquíssimos em vitamina C e ácido fólico e devem ser consumidos com maior regularidade, como o espinafre, brócolis, bertália, couve, agrião e até mesmo a couve-flor.

O gengibre também possui ação anti-bacteriana, que auxiliam no fortalecimento do nosso sistema imunológico. Podendo ser usado nos chás e preparo de comidas e caldos.  O alimento não é indicado para pacientes com problemas cardíacos.

Auriene Moraes – Nutricionista