Projeto da Fundação Cultura incentiva estudo da história do município

Encontro de Educadores debateu a importância da preservação cultural da cidade pelos alunos

Barra Mansa é conhecida pelos seus patrimônios históricos como o Palácio Barão de Guapy, e o Parque Centenário, que muitos o chamam de “Jardim das Preguiças”, mas ainda há muito por trás da história barramansense. Professores da rede municipal de Barra Mansa participaram do Encontro de Educadores na Estação das Artes. Realizado pela Prefeitura Municipal de Barra Mansa por meio da Fundação Cultura – FCBM e em parceria com a Secretaria de Educação, o objetivo do encontro foi fomentar e resgatar ainda mais a valorização e preservação cultural da cidade. O encontro faz parte do projeto Descobrindo Barra Mansa e contou com a palestra do historiador e gerente de patrimônio cultural da FCBM Nikson Salem.

Esse foi o segundo encontro de educadores. A gerência de formação juntamente com o patrimônio cultural da FCBM criou o projeto “Descobrindo Barra Mansa”. Um projeto voltado para a unidade escolar que valoriza a história e cultura de Barra Mansa. Durante a palestra, o gerente de patrimônio cultural da FCBM Nikson Salem contou um pouco mais sobre a história da cidade, desde seu desbravamento até os dias de hoje. A ação vem sendo desenvolvida nas escolas e hoje, foi a vez de compartilhar com os educadores a importância de levar o conceito histórico da cidade e a preservação dos prédios históricos e seu entorno para os alunos.

O presidente da FCBM Bravo, conta que o projeto é uma ação original, que ocupou as unidades culturais do município e hoje, se expande para ocupar as unidades escolares. “A ideia de promover ações formativas de saberes da cultura local é essencial. Ampliamos nosso conceito e com a parceria da Secretaria de Educação, podemos desenvolver a importância do fomento e resgate da história e cultura de Barra Mansa. Uma cidade que é referência para o país no que diz respeito à industrialização, pecuária leiteira e ciclo do café, por exemplo”, disse o presidente.

A professora Juliana Germana, da Escola Municipal Lions, participou do encontrou e contou a importância desse evento para o crescimento do educador e do aluno. “A história do município compreende a cultura e identidade local de um povo. Infelizmente a maioria da população não conhece por falta de informações e fontes. Por meio dessa reunião adquirimos conhecimento e teremos segurança para ensinarmos aos nossos alunos. Todos os professores, não só dos anos iniciais, deveriam ter a oportunidade de conhecer essa história para passar a adiante.”, afirmou.

A educadora Isabele Assumpção, contou que o município faz parte do conteúdo a ser trabalhado durante o ano e estava ansiosa por este encontro. “Trabalhamos dentro de história e geografia todo o nosso município. Desde mapas, patrimônios, e até mesmo a economia, como o desenvolvimento do comércio e etc. Ficamos aguardando ansiosamente a Fundação Cultura para podermos compartilhar com os alunos parte do que representa Barra Mansa. O nosso foco agora é visitar os locais e concretizar ainda mais o aprendizado” concluiu.

O Projeto Descobrindo Barra Mansa está sendo desenvolvido desde maio nas redes municipais de ensino junto com o gerente de patrimônio cultural. Em uma visita à Escola Municipal Cajueiros, a diretora Raquel Couto, explicou que o projeto é essencial para resgatar a identidade e cultura local. “O primeiro ambiente social das crianças é a família. Então no primeiro ano, o conteúdo trabalhado na escola é a família. Já no segundo ano começamos a falar dos bairros, onde eles moram, onde estudam, etc. E quando chega ao terceiro ano, falamos sobre nosso município. Há uma necessidade muito grande em resgatar essa identidade das crianças da periferia leste devido a um bairro limítrofe. Como o bairro Cajueiro fica no limite entre Barra Mansa e Volta Redonda, as crianças sentem dificuldade em entender se moram em um município ou no outro. Por isso, fazemos muita questão de um conhecimento mais afundo sobre a cidade” disse.

Essa é uma ação da Prefeitura Municipal de Barra Mansa por meio da FCBM em parceria com a Secretaria Municipal de Educação e está previsto no Sistema Municipal de Cultura – SMCBM Lei 4.602/2016.