Unidade só será reaberta com total segurança aos alunos e funcionários, garante Samuca Silva

O prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva, recebeu na manhã desta segunda-feira, dia 19, uma comissão de pais de alunos e funcionários da Escola Municipal Marizinha Félix, no bairro Três Poços. No encontro o prefeito garantiu que nenhum estudante e nem funcionários serão colocados em risco e que ainda nesta segunda-feira, dia 19, receberá um laudo da Secretaria Municipal de Infraestrutura (SMI), com o apoio do Instituto Pesquisa e Planejamento Urbano (IPPU-VR), para saber como está estrutura física da unidade escolar.

“Com o documento, saberemos o que precisa ser feito na escola. O que posso garantir é que a unidade só será reaberta se for constatado, tecnicamente, que não há risco para os alunos e funcionários. Quem vai me dizer isso será o laudo da SMI e IPPU, emitidos pelos engenheiros, que estão verificando a situação”, disse Samuca Silva, que esteve na escola na manhã deste domingo, dia 18.

A unidade escolar foi atingida pelo forte temporal na última sexta-feira, dia 16, causando destelhamento. As salas foram esvaziadas e os 240 alunos do turno levados para o pátio e para o refeitório. Eles foram liberados para casa logo após os responsáveis serem comunicados. Ninguém se feriu.

Há um problema histórico de muito anos, com infiltrações, segundo informou os funcionários da unidade escolar. Durante todo o final de semana, uma força-tarefa foi feita na Escola Marizinha Félix. Há duas semanas, antes da tempestade, Samuca Silva havia visitado a unidade escolar.

“Caso haja a necessidade da escola ficar mais tempo fechada, vamos deslocar os alunos para outro prédio. Para isso, preciso da ajuda dos pais e funcionários da escola para decidirmos juntos, de forma democrática”, ressaltou Samuca Silva.

Além disso, segundo informou o prefeito Samuca Silva, o IPPU (Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano) entregará um relatório orçamentário para a reforma geral da Marizinha Félix. “São duas coisas distintas: os reparos emergenciais e a reforma geral da escola. Visitei a unidade antes da forte chuva e vi de perto as demandas da escola. Estamos levantando orçamentos para encaminhar para a licitação”, finalizou o prefeito.