Formações terão formato híbrido e começam em 24 de agosto. Já as aulas práticas estão previstas para ocorrerem em 2021

A partir de 24 de agosto, a Firjan SENAI lança uma série de cursos técnicos no formato híbrido de Educação a Distância (EaD). Serão oferecidas mais de mil vagas em 12 cursos técnicos EaD, nas 19 unidades do estado do Rio. Na Região Sul Fluminense os cursos disponíveis são Automação Industrial, Eletrotécnica, Logística e Mecatrônica, oferecido nas cidades de Barra Mansa, Barra do Piraí, Resende e Volta Redonda. A capacitação contará com aulas on-line, material estruturado para estudo, exercícios e simuladores. As aulas práticas ocorrerão em 2021.

Segundo Edson Melo, gerente de Educação Profissional da Firjan SENAI, a prioridade é investir na qualidade da formação dos alunos para um mundo que se torna cada vez mais tecnológico. “Com a pandemia, muitas restrições foram impostas a pessoas e instituições, destacando a suspensão das aulas presenciais. Nesse contexto e com o foco na formação do aluno, a Firjan SENAI mergulhou nos processos de aprendizagem do modelo EaD. A sociedade precisará de profissionais cada vez mais capacitados em relação às tendências da indústria do futuro e da transformação digital”, afirma Melo.

Com exceção dos títulos de Automação Industrial, Redes de Computadores e Logística, os demais cursos são inéditos na instituição no formato EaD, destacando-se Mecatrônica, Manutenção e Suporte em Informática e Manutenção Automotiva. Os cursos de Automação Industrial e Mecânica são os que têm o maior número de vagas: 200 e 219, respectivamente.

Melo acrescenta que a certificação de um curso em EaD é a mesma daqueles no formato presencial. “A formação contempla as mesmas competências profissionais, desenvolvidas de forma inovadora, e em nada deve aos cursos presenciais. Além disso, a adoção de recursos digitais na educação favorece um maior engajamento dos alunos, que contam com simuladores, games, realidade aumentada, animações, vídeos, livros digitais etc. O objetivo é sempre facilitar o entendimento do assunto abordado, muitas vezes ampliando particularidades que no presencial não seria possível aprofundar, ressalta Melo.

Para mais informações sobre cursos técnicos, acesse o link http://www.firjansenai.com.br