Local já tem 90% de suas árvores plantadas; as espécies têm de cinco a 20 metros de altura

O Jardim Botânico, que está sendo construído na Ilha São João, recebeu na manhã desta terça-feira, dia 06, mais cinquenta espécies de árvores para serem plantadas no local. As mudas, que foram adquiridas pela prefeitura de Volta Redonda, através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SMMA), na cidade de Limeira, São Paulo, têm de cinco a 20 metros de altura. O novo espaço, que começou a ser construído em dezembro de 2019, já está com 90% do plantio das árvores concluído.

Dividido por biomas, como Caatinga, Cerrado, Amazônia, Mata Atlântica, com espécies específicas, e também com árvores de todo o mundo, o Jardim Botânico abrigará espécies de Cactos, Arbustos do Cerrado, Bromélias, Costela de Adão, Palmeiras e plantas aquáticas, como Bananeira D’água, Vitória Régia, Lírio, Taboa e Ninféia, que poderão ser vistos pelos visitantes.

A reestruturação da Ilha São João inclui a construção de lago, fonte, pista de caminhada, parquinho e estrutura para churrasco, tudo com total acessibilidade. O lago terá borda infinita e várias plantas aquáticas, inclusive da Amazônia. O parque infantil terá brinquedos adaptados para PCD (Pessoas com Deficiência), assim como no Zoológico Municipal.

Estão sendo reformadas também a estrutura da Ilha São João, incluindo a pintura dos prédios antigos. O projeto ainda prevê relocação da área dos cavalos, mantendo as dimensões oficiais da pista, garantindo a possibilidade de futuras competições.

O secretário municipal de Meio Ambiente, Marcus Vinicius Convençal, destaca que a obra, que está sendo realizada com recursos de compensação ambiental, não impedirá que a Ilha São João continue a sediar atividades culturais e eventos. “O Jardim Botânico faz parte das ações da administração municipal de valorização e preservação do meio ambiente. Escolhemos todas as espécies de acordo com os biomas do Brasil e do mundo. Algumas das árvores possuem 20 anos de idade, o que ajudará de imediato a controlar a temperatura do local e proporcionar mais sombras”, disse o secretário

Por Secom VR
(24) 3339-9061