A Secretaria Municipal de Saúde de Volta Redonda informa que, conforme contrato rescindido junto à Organização Social, não há débitos a serem repassados à associação. Desta forma, informa que está buscando meios judiciais para realizar os pagamentos de forma direta a enfermeiros e técnicos de enfermagem do Hospital São João Batista (HSJB), preservando o erário público. Na data de hoje, às 13 horas, será efetuada reunião com o poder judiciário para auxiliar nesta questão.

Vale informar ainda que a cidade conta com quatro unidades de urgência que estão com seus atendimentos em pleno funcionamento: UPA Santo Agostinho, Hospital do Aterrado, Hospital do Retiro e Cais Conforto.

A SMS e a direção do hospital não foram informadas previamente sobre a uma possível paralisação do HSJB. Com isso, os atendimentos de urgência e emergência seguem sendo realizados na unidade.

A Secretaria de Saúde reafirma que não está em atraso com nenhum repasse para a Organização Social e que há recursos para tal, mas há divergências em um processo que está sendo finalizado.

É importante frisar aos funcionários e terceirizados que a Secretaria de Saúde, buscando realizar o pagamento de forma direta a estes colaboradores, está preservando os trabalhadores em um processo final de rescisão, evitando, por exemplo, que alguma empresa receba recursos e não pague seus funcionários.