Mais fluidez no trânsito é elogiada por motoristas e reflete em melhorias também na economia da cidade

Com um ano de funcionamento, a Rodovia do Contorno vem melhorando o trânsito e, consequentemente, a qualidade de vida dos cidadãos de Volta Redonda. Com 12,5 quilômetros de extensão, a via liga duas importantes estradas: a BR-393 e a Via Dutra, e permitiu que aproximadamente 9 mil veículos pesados deixassem de circular na área urbana da cidade, por dia.

O pintor Marcos Rogério Fonseca da Silva, que utiliza a via frequentemente, se mostrou satisfeito com a obra. “No trevo da Água Limpa, por exemplo, tinha muito acidente e engarrafamento, e era um sufoco para sair daqui. Melhorou muito com a Rodovia do Contorno”.

De acordo com o subcomandante da Guarda Municipal (GMVR), Rodrigo Fagundes Muller, a Rodovia do Contorno promoveu melhorias no trânsito em bairros como Jardim Amália, São Geraldo, Vila Santa Cecília, Conforto e Ponte Alta.

“Caminhões que estão na Via Dutra e acessam a BR-393, por exemplo, não precisam acessar nossa cidade pela 207 e atravessar Volta Redonda. Ele pode acessar diretamente a Rodovia do Contorno, o que diminui o fluxo no município, permitindo que nossas ruas sejam, de fato, urbanas”, explicou Muller.

O prefeito Samuca Silva afirmou que as melhorias vão além do trânsito. “A Rodovia do Contorno proporcionou, no mínimo, dois benefícios para a cidade. retirou o tráfego de veículos pesados da área urbana e abriu novo espaço para o desenvolvimento imobiliário e econômico de Volta Redonda”.

Proprietários de estabelecimentos comerciais em vias próximas à Rodovia do Contorno reforçaram a opinião do prefeito, citando a melhoria do trânsito como fator importante para a também melhoria no atendimento aos clientes.

“Em fluxo de caminhão, diminuiu uns 50%, 60%. Tinha muito engarrafamento, muitos caminhões paravam por aqui, alguns até quebravam. Melhorou a segurança, diminuiu a sujeira. Muitos clientes reclamavam da demora em chegar aqui, mas agora não reclamam mais”, comentou Valkiria Castelo Branco, proprietária de uma Pet Shop na Rua Carlos Chagas, no Conforto.

De acordo com Samuca Silva, a Rodovia do Contorno também chamou a atenção de grandes empresas interessadas em se instalarem às margens da via, possibilitando a geração de investimentos na cidade.

“Volta Redonda tem terras disponíveis, logística e está muito bem localizada. Nosso esforço é buscar o desenvolvimento econômico e geração de empregos. A Rodovia do Contorno, assim como a área onde será instalado o Polo Metal-Mecânico, são áreas com totais condições para receber as grandes empresas e estamos dialogando para ampliar a vinda desses investimentos”, afirmou Samuca Silva.