Estudantes receberam certificados de participação no Mutirão do Emprego

O prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva, entregou nesta quarta-feira, dia 22, uma homenagem aos alunos do UniFoa que participaram do 1º Mutirão do Emprego promovido pela prefeitura. Cerca de 50 alunos dos cursos de Administração e Ciências Contábeis da universidade receberam certificados como forma de agradecimento pelo trabalho voluntário que prestaram no evento.

O coordenador dos programas de ações empresariais do UniFOA, Lisandro Zerboni, agradeceu a presença do prefeito. “O evento de hoje consolida uma ação que foi estruturada e pensada por pessoas de bem, voltadas para o bem, o acolhimento daqueles que almejam uma oportunidade de emprego”, comentou Lisandro.

“Eu estive lá naquele dia que aconteceu aquela comovente e contagiante ação. Era pra eu estar em sala de aula, mas eu fiz questão de estar aqui, tendo em vista a grandeza dessa ação que foi iniciada pela prefeitura de Volta Redonda, e com o apoio de diversos seguimentos da sociedade civil organizada. Com isso, eu gostaria de agradecer publicamente ao Samuca pela iniciativa”, disse o reitor do UniFOA, Carlos José Pacheco.

A aluna do 1º ano do curso de Ciências Contábeis, Micaelle Alves, contou que gostou do reconhecimento de receber essa homenagem. “Eu achei muito interessante mostrar esse reconhecimento. E ter ido lá, no dia do mutirão, foi um baque, ver a quantidade de pessoas precisando de emprego”, contou. A colega de turma Gabriela Pena acrescentou. “A gente volta com outro olhar. Foi um trabalho lindo de olho no olho. Foi uma experiência muito gratificante”, disse.

O prefeito Samuca Silva agradeceu a parceria e lembrou sua trajetória na instituição. “Eu sou formado por essa universidade, tudo que eu tenho foi esse lugar que me deu. Eu entrei aqui com 18 anos, fiquei dois anos desempregado, e saí dessa universidade gerente geral do Banco Real, com 23 anos de idade. Depois disso tive a oportunidade de começar a dar aulas aqui. Agradeço ao UniFOA e todos parceiros que ajudaram no Mutirão”, lembrou.

Samuca disse ainda que sempre foi um crítico à administração pública e resolveu colocar a cara a tapa e tentar ser um agente de transformação. “Desde o início nós colocamos a pauta do desenvolvimento econômico como pilar. Não existe mágica, se nós queremos aumentar a capacidade de arrecadação do município, tem que gerar empregos, tem que trazer empresas para gerar impostos e retornar o investimento para a cidade. Eu sou um filho de Volta Redonda que teve que sair para trabalhar, e agora estamos fazendo o inverso, nós somos a cidade que mais gerou emprego no Estado”, afirmou o prefeito.