Medidas de proteção contra Covid-19 foram adotadas para a reabertura há duas semanas; visitas devem ser marcadas pelo site Agenda Verde

O Zoológico Municipal de Volta Redonda voltou a ser opção de lazer para moradores da cidade e municípios vizinhos, principalmente nos finais de semana. Medidas de prevenção à Covid-19 foram adotadas como a instalação de lavatório para higiene das mãos na entrada do zoo e o uso obrigatório de máscaras. Além disso, para manter o distanciamento social, o número de visitantes está limitado em 300 pessoas pela manhã e 300 à tarde. Para marcar a visita, é preciso acessar o site https://agendaverde.voltaredonda.rj.gov.br/register.

O coordenador do zoo, Jadiel Teixeira, avisa que o agendamento deve ser feito com antecedência. “Nestas primeiras semanas, observamos que na quarta-feira as vagas para o sábado e domingo já estavam esgotadas”, avisou, informando que o local está aberto de terça a domingo, das 8h às 12h e das 13h às 17h. “O horário entre meio-dia e uma hora da tarde está reservado para higienização dos espaços de convivência e banheiros”.

Nathalia dos Santos e Raphael Silva, que moram em Barra Mansa, marcaram a visita para levar a filha Alice, de oito anos, para passear neste domingo, dia 18, no zoo na última segunda-feira. Ao chegar, toda família lavou as mãos e mantiveram as máscaras cobrindo boca e nariz. “Queremos passear, mas com segurança”, disse Nathalia. Já Alice estava ansiosa para ver as novidades do zoológico após a reforma. “Vim algumas vezes com a escola, mas quero andar no pedalinho e conhecer os espaço onde andamos perto dos animais”, disse, se referindo ao Recinto de Imersão.

O espaço também encantou Theo, de sete anos, que estava com o pai Fabiano Freitas Soares, morador do bairro Santo Agostinho. “Esta é a terceira vez que venho ao zoológico, mas a primeira que fico tão perto dos animais. Foi muito legal e diferente”, disse Theo.

O Recinto de Imersão, com certeza a principal atração do novo Zoológico Municipal, tem regras especiais para não oferecer riscos à saúde dos animais. Entre elas, horário especial de funcionamento para evitar que as aves fiquem estressadas. De terça a sexta-feira, as imersões, de cerca de cinco minutos por grupo, são realizadas de 8h30 às 9h30; das 10h30 às 11h30; de 13h30 às 14h30; e das 15h30 às 16h30. Aos sábados, domingos e feriados, por conta da maior circulação de pessoas, os horários são restritos às 9h às 10h30 e das 13h às 14h30.

Secom/VR com fotos de Gabriel Borges